Eleitor tem até 23 de agosto para solicitar voto em trânsito

Começa nesta terça-feira (17/07) e vai até 23 de agosto o prazo para que eleitores que tenham previsão de estar fora de seus domicílios eleitorais em outubro não deixem de participar das eleições 2018. O chamado voto em trânsito vale para quem está com o cadastro eleitoral regular e é realizado nas 27 capitais e em municípios com mais de 100 mil habitantes. Podem ser solicitados para o primeiro turno (7/10), para o segundo (28/10) ou para ambos.

Para isso, o eleitor deve comparecer em qualquer cartório eleitoral com um documento oficial com foto e indicar o local que pretende votar. Não é preciso pagar nada por isso. A lista das cidades onde terão voto em trânsito está disponível nos sites dos tribunais regionais eleitorais.

Deputado federal por Minas Gerais, Paulo Abi-Ackel (PSDB) acha importante que, diante da descrença do eleitor com o momento político, é preciso que se estimule ainda a participação do cidadão nestas eleições, inclusive aqueles que estiverem em viagem. “É importante que o brasileiro tenha consciência da importância do poder transformador do seu voto. Por isso temos que fazer uma campanha para termos o menor índice possível de abstenções nas urnas.”

Cargos
No caso de se estar fora do município, mas no mesmo estado, os votos valem para todos os cargos em disputa este ano: presidente da República, governador, senador, deputado federal, estadual e distrital. Já para quem estiver fora do estado do domicílio eleitoral, o voto valerá apenas para presidente da República.

Só poderá votar fora do Brasil quem já tiver o título cadastrado em outro país. Brasileiros em viagem ao exterior deverão justificar a ausência no retorno ao Brasil.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.